Feito pra acabar

              Acho que todo mundo sonha ou já sonhou em se casar. Pode ser do modo tradicional, de véu e grinalda. Compartilhando com a família e os amigos, repartindo a alegria e contando com as bençãos e o apoio das pessoas importantes. Ou de uma maneira mais simples e íntima.
             Eu já me casei no modo tradicional. Foi bom dividir os momentos com a minha família. Teve bolo. Teve champanhe, churrasco e canseira. Houve eventos engraçados, atrasos, correrias e alguns sustos. Muitos parabéns, abraços, choro, votos de felicidades. Naquele momento as coisas pareciam fazer sentido; ciclo natural/normal da vida. Eu fui feliz. Muito feliz.
          A "sensação lembrança" que tenho do meu casamento é de um cansaço muito grande. Eu só queria que tudo acabasse bem.
        Bom, aqui estou eu. Quase dez anos depois lembrando de tudo. Em outro momento de vida. Muita coisa aconteceu. Aquelas promessas todas não foram cumpridas. Não foi falta de cuidado, atenção ou dedicação. Foi apenas um ciclo que chegou ao fim. Infelizmente. Ficou o aprendizado e um pouco de dor.
         Se eu fosse me casar de novo hoje, acho que faria tudo diferente. Eu não gostaria de festa ou badalação. Tudo seria muito simples. Eu me casaria em um jardim ou em uma praia na presença de uns poucos e fiéis amigos e da minha filha.
        Me vestiria de branco (porque sim, eu acredito na esperança) e colocaria flores nos cabelos, os pés, talvez estivessem descalços.
        Eu caminharia sozinha em direção ao homem que amasse, talvez com alguma música suave, ou apenas ouvindo os sons que a natureza me oferecesse, com calma, certeza e  em paz.
       Isso tudo é apenas um sonho. Um sonho muito bom e muito bonito. Mas, afinal, o que é a vida senão um grande sonho?

Muita luz pra todos!!!
Laís Ribeiro

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário e um endereço de contato pra gente se falar!!!